O Divertido Mundo das Cervejas Especiais

Data: 07/08/2013
Fonte: Revista Época São Paulo


 ÉPOCA SÃO PAULO - SP - COBERTURA - 27/06/2013

Ainda dá tempo de aproveitar os quase 400 rótulos à disposição dos visitantes no Degusta Beer, que termina hoje no Transamérica Expo Center.

Taças com amostras de cervejas produzidas nos Estados Unidos, mais autorais e lupuladas, dão uma ideia da principal tendência exibida na Degusta Beer (Foto: Brewer's Association)

São Paulo nunca bebeu tanta cerveja boa. A febre de microcervejarias e de produção artesanal que nos últimos anos revolucionou o mercado da bebida nos Estados Unidos acaba de mostrar a sua força por aqui. Desde o dia 25 mais de 400 rótulos estão em exposição no Degusta Beer, evento que integra a XII Brasil Brau (feira internacional de tecnologia em cerveja), que termina nesta quinta-feira no Transamérica Expo Center. As latas e garrafas à disposição do visitante (com doses a partir de R$ 1,00) mostram que há muita cerveja de excelente qualidade por baixo dessa espuma toda. Números divulgados recentemente pela Associação Americana de Cervejas Artesanais (Brewer's Association), mostram que suas exportações cresceram 72% no último ano. No mesmo período, o consumo das cervejas artesanais norte-americanas no Brasil deu um salto de 150% - o que estimulou a entidade a enviar para cá quatro representantes: Dick Cantwell, cervejeiro e proprietário da Elysian Brewing Company, de Seattle, Washington; Doug Odell, dono da Odell Brewing Company de Fort Collins, Colorado, e um dos membros mais ativos do Programa de Desenvolvimento à Exportação da Brewer's Association; Steve Grossman, embaixador cervejeiro da Sierra Nevada Brewing Company em Chico, Califórnia; e Phin DeMink, cervejeiro e sócio-proprietário da Southern Tier Brewing Company de Lakewood, Nova York. Alguns desses produtores sequer têm volume para exportar, de tão caseira que é sua fabricação. Outros já começam a chegar às prateleiras das lojas especializadas na cidade, caso da Southern Tier, trazida pela Tarantino Multibeer, e das californianas engarrafatas pelas cevrjarias Speakeasy, Balast Point, Coronado e Bear Republic, todas importadas pela pioneira Bier & Wein, que comemora 20 anos de atuação no mercado. Os rótulos reunidos na Degusta Beer resumem as principais tendências da cervejaria americana atual. "Os americanos gostam do estilo 'no-limits'", afirma Tatiana Spogis, sommelière e gerente de marketing da Bier & Wein. "A Double Daddy IPA, por exemplo é duplamente maltada e lupulada (são quatro variedades de lúpulo), e tem 9,5% de teor alcóolico". Longe de seguir a lei de pureza alemã (água, malte, lúpulo e levedura), as cervejas artesanais dos EUA valorizam o toque pessoal de cada cervejeiro, resultando em bebidas intensas em corpo, aroma e amargor.

O designer David Michelson, que lança no próximo dia 3 a cerveja Júpiter, exibe a garrafa na Degusta Beer. Cada uma das 1.800 unidades chegará ao mercado a R$ 12 (Foto: C

Leia também

» Publicação gaúcha é vencedora em Feira de Tecnologia em Cerveja » Balanço final aponta que Brasil Brau cresceu 31% em 2017 » MEIO FILTRANTE - Feira Internacional de Tecnologia em Cerveja Brasil Brau cresce 31% em 2017
Informações & Vendas:
+55 11 5067 6792
brasilbrau@brasilbrau.com.br
Endereço:
Rua Salvador Allende, 6.555
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro, RJ